Há uma nota fundamental quando se pensa em escrever a respeito do ano de 2013 – neste ano, o povo brasileiro foi para as ruas, por todo o país, nem sempre de forma pacífica e cordata, como sempre se esperou que fosse o jeito de ser do povo brasileiro. E parece justo afirmar que o povo foi para as ruas por uma razão simples e aguda – ninguém aguenta mais viver no vazio. Muito se escreveu sobre este movimento surpreendente – ao menos para os políticos – e renovador. Mas faltou pensar algo mais. Podem ser estabelecidas conexões entre este quadro e o teatro de 2013? O que se pode pensar a respeito? Ruas fervendo, viver no vazio   Sim, o povo brasileiro vive…

+Read more