ZECA PAGODINHO, O MUSICAL © Renato Mangolin 245 High-res version

Uma rasteira na emoção convencional

 
Não, eu não vou mandar no seu coração, siga a sua vida, a sua rotina miúda, não vou dizer para você ir ao teatro, este ato de ilusão vadia, hora perdida. Talvez você goste de sofrer ou de ser triste, então não vá. Eu vou só contar para você, com alegria sincera, o jorro de criação, festa, irreverência, cor, música, celebração da vida, um vendaval lírico irresistível, que me arrebatou outro dia no Teatro Net, em Copacabana. Pois é, Copacabana, para sempre terra de perdição: me perdi de mim. E me perdi em boa companhia, a estreia do inacreditável Zeca Pagodinho – Uma história de amor ao samba, de Gustavo Gasparani.

 

Você não sabe o que acontece de magia carioca naquela casa chique: conseguiram uma reinvenção do Rio de Janeiro. Pudera, o texto foi escrito por um homem de teatro de sete talentos, Gustavo Gasparani, um ser zona sul que é também um homem do samba, passista de primeira linha da Mangueira, especialista em carnaval.

+Read more